10 sinais de que você não se ama tanto quanto afirma

Uma coisa é dizer que você ama a si mesmo, mas seguir em frente colocando isso em ação é uma tarefa muito mais difícil. Se você se identifica com qualquer uma dessas dez coisas, deve reavaliar sua percepção sobre o seu autocuidado. Você pode não se amar tanto quanto pensa que ama.



Você está sempre exausto.

A exaustão é um sinal de que você não está totalmente sintonizado com suas próprias necessidades. E embora estar ocupado possa ser um sinal de uma vida plena e emocionante, não deve ter precedência sobre o descanso. Às vezes, você precisa apenas ir devagar e dar a si mesmo tempo para recarregar. Esgotamento crônico mostra que você não está ouvindo seu corpo com tanto cuidado quanto pensa. Dê a si mesmo algum tempo para desacelerar e você realmente aprenderá o que significa amar a si mesmo.

Sua primeira reação ao se ver no espelho é negativa.

A autoimagem de ninguém pode ser perfeita o tempo todo, mas você não deve sentir que está se preparando para a guerra toda vez que se aproxima de um espelho. É tão fácil perceber as falhas percebidas em você antes de qualquer coisa, mas ter um relacionamento verdadeiramente amoroso com você mesmo começa com aceitar as falhas pelo que elas são e amá-las mesmo assim.

Você se contenta com parceiros medíocres.

Nada diz 'Eu realmente não me amo tanto quanto penso que me amo' como namorar alguém que não é bom o suficiente para você. Isso é óbvio quando você está com alguém que o trata mal, mas também é verdade quando você está com alguém que é perfeitamente legal e amoroso, mas que não incendeia seu coração ou inspirar você. Escolher alguém que o empolga e desafia mostra que você se ama o suficiente para estar com alguém que o ajuda a crescer e se tornar a melhor versão de você mesmo, ao invés de alguém que o ajuda a manter o status quo por medo da mudança.



Você tem dificuldade em dizer não às coisas.

Dizer não é um sinal de força e respeito próprio. Significa que você não coloca a felicidade de todos antes da sua e que entende a necessidade de se sentir contente consigo mesmo, em vez de encontrar seu valor próprio na percepção que as outras pessoas têm de você. Isso mostra que você não tem medo de deixar outras pessoas chateadas, às vezes, se isso significar permanecer verdadeiro consigo mesmo. Permanecer forte dentro de você mesmo, independentemente do que as outras pessoas queiram de você, é uma das indicações mais claras de amor próprio.

Você sofre de síndrome do impostor.

Não importa quantas máscaras ou smoothies verdes você beba, você nunca vai realmente dominar a arte do autocuidado se estiver passando pela vida sentindo-se uma fraude . A verdade é que muito poucas pessoas, mesmo aquelas com mais poder que parecem mais confiantes, realmente se sentem qualificadas para o que estão fazendo. Se você não sente que pertence a onde está, você apenas tem que fingir até que finalmente comece a acreditar. Onde quer que você esteja, você conquistou o direito de estar lá.